top of page

Festa a bordo no Rio de Janeiro. Faça sua festa no barco!


Que os passeios de barco no Rio de Janeiro estão bombando desde a pandemia você já sabe. Antes muito procurado só por gringos e turistas, desde a pandemia o aluguel de barco no RJ também caiu nas graças dos cariocas. E, como muito autênticos que são, logo buscaram uma forma de transformar o passeio turístico em festa a bordo. Hoje vamos falar desses eventos que viraram moda e estão super em alta aqui na capital.


Se você ainda não foi convidada ou ainda não fez a sua festa no barco provavelmente chegará aos seus ouvidos muito em breve. Por isso, preparamos esse texto para você se programar e ficar por dentro de tudo como funciona seja para fazer a sua festa no barco ou ir a uma festa a bordo. Então, leia com calma e bastante atenção para não fazer feio e arrasar na pista e no mar.


Existem 2 tipos de festa no barco: A primeira e a mais comum é no saveiros, escunas e catamarãs para grupos grandes de até 150 passageiros (comemoração de aniversário, casamentos e etc). A outra opção são as festinhas mais intimistas para um grupo menores de até 20 pessoas. Nesse caso, o mais recomendado são as lanchas, veleiros e iates.


Obviamente não é um evento barato. Alias, hoje em dia (pós pandemia) está tudo muito caro. Mas, a vantagem é que você consegue dividir por pessoa e não fica pesado para ninguém e os convidados sempre apoiam a ideia. Até porque, qualquer reunião em um barzinho hoje em dia é caro e não tem o mesmo glamour e curtição de uma festa no barco. né?! Pode acreditar, não fica feio e não terá baixas na sua lista por causa disso.


Agora que você leu esse artigo e encorajou-se em seguir com essa ideia lembre-se de planejar o evento com bastante antecedência para fazer bonito em alto mar. Você deve estar se perguntando: Ok, mas o que eu preciso realmente saber para fazer a minha festa no barco?


Primeira regra e mais importante é procurar uma empresa séria e que passe confiança. Sempre tem alguém que vai te dizer que conhece um barco ou um barqueiro ou até mesmo tenha um contato de um marinheiro de uma festa que já tenha ido. Lembre-se que você está lidando com vidas e navegar é segurança em primeiro lugar. Além disso, certamente ele não te dará o suporte que será fundamental e necessário durante todo o processo.


Na fase de pesquisa de mercado você não deve focar exclusivamente no melhor preço. Tente equilibrar com a relação de custo benefício e escolher o orçamento que supere as expectativas e atenda as suas necessidades. Fazer um evento seja ele aonde for é trabalhoso e demandará muito tempo e dedicação para organizar. No barco não será diferente!


Escolhida a empresa veja com a área comercial tudo que você pode usufruir de estrutura da embarcação. Os barcos estão cada vez mais equipados e preparados para oferecer infraestrutura total para realização de eventos (pista de dança, bar, luz, som, banheiros e etc) e as empresas estão oferecendo serviços para facilitar a sua vida como por exemplo buffet, DJ, barman, garçom e etc. Você também pode trazer o que for consumir e contratar esse serviço por fora, mas dá trabalho e nem sempre compensa. De qualquer forma, sempre vale comparar avaliar o que melhor se adequa ao seu orçamento.

O roteiro mais recomendado no passeios para os grandes grupos são aqueles abrigados na Baía de Guanabara com parada para mergulho na Praia Vermelha ou Adão e Eva (obrigatório contratação de salva vidas). Os barcos são mais lentos e inviabiliza a navegação em mar aberto. O trajeto é super bonito pelos Pontos Turísticos (Museu do amanhã, Ilha Fiscal Ponte Rio-Niterói, Pão de Açúcar e MAC) e vai render muita foto bacana nas suas redes sociais e de seus convidados.


Para os menores grupos que optaram por fazer uma festinha na lancha ou no iate, o roteiro mais aconselhado também seria o trajeto abrigado na Baia, mas vale a pena conversar com o comandante no embarque e dependendo das condições de clima, vento e mar seguir pela Orla do RJ passando pelas praias mais famosas do mundo (Copacabana, Ipanema e Leblon), até chegar às Ilhas Cagarras ou seguir pela costa de Niterói ate a Praia de Itaipu, que também é um roteiro fantástico. Lembre-se, navegar em mar aberto balança e vá somente em condições favoráveis para não estragar sua festa antes da hora.


Existe um detalhe importante além do roteiro, que é a escolha do horário e duração. As festas a bordo em saveiros são de 5 horas e o barco tem 2 blocos de horário (manha e tarde). As festas no iate e lanchas o horário é flexível e a duração é de 6 horas. O cliente pode escolher o horário do embarque! Mas, vale ressaltar, que quanto mais tarde mais forte fica o vento e as chances de fazer o roteiro em mar aberto são menores. Mas, pegar o por do sol também tem suas vantagens.


Definido isso, no dia do passeio você precisa se programar para chegar à Marina da Glória com bastante antecedência, principalmente aos domingos e feriados, onde as pistas das praias e Aterro ficam fechadas e o acesso à Marina é um pouco mais demorado. Não haverá compensação de tempo em caso de atraso e você não quer perder nem um minuto da sua festa, né?! Então não vacila e alerta seus convidados. Carioca tem fama de não chegar no horário então marca sempre antes já contando com esse detalhe.


Depois de tanto trabalho e tomadas de decisões é hora de curtir sua festa com aquele visual magico do Rio! Relaxa, aumenta o som e aproveite com seus amigos e familiares. Se for beber, não venha de carro! Tem ponto de Uber e taxi dentro da marina.

Σχόλια


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags